IMPOSTÔMETRO:

Visite o blog: NOTÍCIAS PONTO COM

Visite o blog: NOTÍCIAS PONTO COM
SOMENTE CLICAR NO BANNER --

ANÚNCIO:

ANÚNCIO:

sexta-feira, 9 de setembro de 2016

Volvo Cars lança o Drive Me, projeto de condução autônoma pública mais avançado e ambicioso do mundo...


O XC90 autônomo é o primeiro de uma série de carros autônomos
Nesta sexta-feira (9/9), a Volvo Cars realizou o lançamento oficial do projeto de condução autônoma pública mais avançado e ambicioso do mundo, ao produzir o primeiro veículo com essa tecnologia para o Drive Me, em Gotemburgo, na Suécia.

Fabricado na unidade industrial de Torslanda, o XC90 autônomo é o primeiro de uma série de carros autônomos que serão entregues a famílias residentes em Gotemburgo para serem dirigidos em estradas públicas.
A Volvo é a fabricante líder na área de segurança automotiva e acredita que a introdução dessa tecnologia consiga reduzir a incidência de acidentes, liberar estradas congestionadas e diminuir a poluição, além de permitir que os motoristas utilizem o tempo em seus automóveis de forma mais produtiva.

Atualmente, a Volvo oferece um sistema de condução semiautônoma nos modelos da série 90, chamado Pilot Assist, que mantém o veículo alinhado adequadamente nas faixas de rodagem a velocidades de até 130 km/h, sem precisar seguir outro carro. Os modelos do programa Drive Me vão acrescentar a capacidade plena que libera os motoristas de usarem as mãos e os pés em zonas de condução especiais em Gotemburgo, movidos pelo que a Volvo chama de seu Cérebro de Condução Autônomo.
A companhia sueca, cujo nome é sinônimo de segurança automotiva desde que inventou o cinto de segurança de três pontos, em 1959, é pioneira no desenvolvimento de sistemas de condução autônomos, como parte da sua visão de que ninguém seja gravemente ferido ou morto num novo Volvo até 2020.

É essa abordagem focada no cliente que distingui o projeto Drive Me de outras experiências com condução autônoma. Em vez de depender simplesmente das pesquisas de seus próprios engenheiros, a Volvo vai trabalhar com as informações geradas pelos clientes que utilizam esses carros autônomos no seu dia a dia.
Ao escolher uma abordagem focada no cliente, a Volvo quer afinar ainda mais suas tecnologias de condução autônoma e fazer com que o seu produto seja o mais relevante possível aos clientes antes da apresentação comercial dessa tecnologia, que deverá chegar em torno de 2021.

“Este é um marco importante para o projeto Drive Me”, afirma Erik Coelingh, líder técnico sênior de Segurança Ativa da Volvo Cars. “Os clientes olham seus carros diferentemente do que nós, engenheiros, então aguardamos ansiosamente aprender como eles utilizam esses carros no seu dia a dia, e que tipo de retorno eles irão nos dar”.
Depois de sair da linha de montagem, os carros Drive Me dos clientes passarão por uma fase rigorosa de testes para assegurar que a tecnologia avançada de condução autônoma funcione exatamente como se espera. Depois de finalizar essa etapa, supervisionada pelos engenheiros da Volvo, os carros serão entregues para os clientes do projeto.

O Drive Me é o primeiro de vários testes públicos planejados com carros de condução autônoma da Volvo. Um projeto semelhante ao que vai haver em Gotemburgo será lançado em Londres, em 2017, enquanto empresa também avalia cidades na China interessadas no programa Drive Me, nos próximos anos.
A Volvo também está ativa em formar parcerias estratégicas na área da tecnologia de condução autônoma. Em agosto, a fabricante lançou uma nova parceria com o Uber, de compartilhamento de caronas, para desenvolver em conjunto a próxima geração de veículos equipados com esse sistema. No início desta semana, a Volvo revelou que formará uma nova empresa com a fornecedora automotiva Autoliv para desenvolver a nova geração de software para a condução autônoma.

https://carrosdoalvaro.blogspot.com.br/2016/09/volvo-cars-lanca-o-drive-me-projeto-de.html