IMPOSTÔMETRO:

Visite o blog: NOTÍCIAS PONTO COM

Visite o blog: NOTÍCIAS PONTO COM
SOMENTE CLICAR NO BANNER --

ANÚNCIO:

ANÚNCIO:

terça-feira, 13 de setembro de 2016

TRABALHO COM ORTOGRAFIA


Tradicionalmente, ensina-se ortografia – a maneira correta de grafar as palavras – apresentando e repetindo as regras ortográficas para a classe. Tudo se dá na base da decoreba.

Depois se o aluno desobedecer às tais regras em uma redação por exemplo, o professor corrige o erro, e pode até sugerir que o estudante copie várias vezes a versão correta das palavras que foram escritas de maneira errada. Muitos alunos decoram tais regras, mas na hora da redação continuam escrevendo errado.

Muitas regras ortográficas têm de ser mesmo decoradas. Mas isso não quer dizer que aprender a escrever certo seja um processo passivo.

É fundamental, para o trabalho do professor, que ele saiba quais palavras seus alunos usam frequentemente, pois eles apresentam suas hipóteses de como tais palavras devem ser escritas. A partir dessas suposições, levar o aluno a refletir sobre as possíveis alternativas de grafia e reconstruir as regras de ortografia das palavras.

Por outro lado, entender que a ortografia de algumas palavras não é definida por regras faz com que os alunos vejam a importância de consultar fontes de registro ortográfico da língua portuguesa, como os dicionários e reconheçam a importância da memorização.

A Apostila de Ortografia contém atividades que levam o aluno a refletir sobre a grafia das palavras, além de levá-lo a reconstrução das regras, a fim que o aluno possa fazer uso delas em suas produções de texto.


Exemplo de atividade:


http://diariodaprofaglauce.blogspot.com.br/2015/08/trabalho-com-ortografia.html