IMPOSTÔMETRO:

Visite o blog: NOTÍCIAS PONTO COM

Visite o blog: NOTÍCIAS PONTO COM
SOMENTE CLICAR NO BANNER --

ANÚNCIO:

ANÚNCIO:

sábado, 24 de setembro de 2016

Sementes do bem para seu dia a dia...

Sementes do bem para seu dia a dia...

Algumas dessas sementes já foram abordadas individualmente aqui no nosso blog, mas resolvi fazer um post, com os benefícios gerais das que são mais comum de encontrarmos por aí.
É importante saber quais benefícios elas vão trazer para nós e o quanto devem ser consumidas para conseguir esses benefícios sem prejudicar a saúde.

Esses alimentos ajudam a enriquecer nossa dieta. Eles auxiliam na diminuição do peso, do colesterol, de inflamação como celulite, regulam o trânsito intestinal e aumentam a massa magra. São indicados para quem tem sobrepeso, obesidade, prisão de ventre, colesterol alterado, celulite ou simplesmente quer melhorar a alimentação.

Para que façam efeitos positivos no organismo, o ideal é acrescentá-los diariamente nas refeições. A quantidade vai depender de indivíduo para indivíduo, mas em média uma colher de sopa por dia.

Gergelim: possui grande quantidade de proteínas, gorduras e carboidratos, sem falar nas fibras e nos lipídios, importantes na redução do colesterol do sangue, com propriedades anticancerígenas e antioxidantes. Também possuem alto teor de cálcio, fósforo e ferro e são ricas em vitaminas do complexo B.


As sementes de gergelim são ricas em manganês, cobrene cálcio, contêm Vitamina B1 e Vitamina E. Elas também contém fitoesteróis, que bloqueam a produção de colesterol. Os nutrientes do gergelim são melhor absorvidos se triturados antes do consumo. Contêm uma grande variedade de princípios nutritivos de grande valor: lípidos, ácidos graxos insaturados, lecitina, proteínas, vitaminas (E, B1 e B2) minerais e oligoelementos.

O gergelim é ideal para quem procura boa forma ou mesmo uma dieta equilibrada, pois ele possui grande quantidade de fibras, o que auxilia no bom funcionamento do intestino.

Semente de abóbora: Antioxidante, melhora a saúde, cabelos, unhas, mucosas e olhos. Tem o triptofano (nutriente) que da a sensação de bem estar (saciedade), de prazer, melhorando humor e depressão. Protetoras para os homens, pois reduzem 40% a chance de morte prematura, diminui a chance de câncer de próstata. Equilibra a pressão arterial.Encontramos em duas formas: com casca e sem casca.


Os benefícios são praticamente os mesmo, porém, a com casca deve ser evitada para as pessoas com hipertensão porque elas são salgadas e também não é muito indicada para quem tem intestino preso porque as fibras da semente de abóbora com casca são mais densas e acabam fermentando. A semente crua é muito mais benéfica que a torrada. Recomendação: 2 a 3 colheres de sopa/dia (30g/dia). Pode utilizar 1colher de sopa no almoço e 1 no jantar ou nos intervalos entre as refeições.

Quinoa: Não possui glúten sendo ideal para as pessoas que tem a doença celíaca. Faz bem para o SN (evita mal de Parkinson, Alzheimer e outras doenças degenerativas, melhorando assim a memória e aprendizagem). Fortalece o sistema imunológico, aumenta a ação de enzimas que combatem os radicais livres (retarda o envelhecimento), favorece o crescimento e fortalecimento dos cabelos, ajuda no controle da TPM, ajuda no controle da pressão arterial.


Antes de consumir precisa ser lavadas porque contêm uma substância antinutricional (tira as propriedades da quinoa) que são as saponinas que dão um sabor amargo.
Recomendação: 1/4 a 1/2 xícara de chá/dia (1/4 xíc de chá = 45g).

Linhaça: Temos 3 tipos: Marrom, Dourada, e Dourada em forma de Farelo. Todas têm praticamente os mesmos benefícios.
A marrom é mais crocante e um pouco mais amarga. A dourada em forma de farelo deve ser consumida para quem quer extrair os benefícios funcionais, ou seja, bem estar específico para os tratamentos. Para quem tem constipação intestinal à linhaça dourada em farelo é melhor porque já vem com a fibra moída e com isso o intestino aceita melhor.

Benefícios gerais: Auxilia no tratamento da menopausa (diminui- tensão, calores, fermentação), sensação de bem estar promove saciedade Protege contra o câncer de mama. Equilibra os níveis de açúcar no sangue, reduz o “colesterol ruim” LDL, combate anemia e melhora a constipação intestinal.
Melhor forma de consumir é do jeito que compramos para não estragar as propriedades.
Recomendação: 1 a 2 colheres de sopa/dia (30g).

Amaranto: É um alimento tão completo que nutricionalmente assemelha-se á combinação arroz com feijão. Possui proteínas e aminoácidos que são essenciais para o organismo. O amaranto é capaz de reduzir a pressão arterial, colesterol e melhorar o funcionamento do intestino.


A grande concentração de esqualeno em sua composição, substância somente encontrada em quantidades significativas nos óleos de fígado de animais marinhos, é uma característica singular do amaranto. Suas propriedades naturais incluem a ação antioxidante, no combate aos radicais livres, aumento da oxigenação do metabolismo e fortalecimento da membrana celular, auxiliando na melhora do sistema imunológico devido à proteção das células.

O amaranto é também indicado na nutrição preventiva, aquela que tem por objetivo evitar doenças e melhorar a qualidade de vida. O amaranto é fonte de vitaminas e minerais importantes como o Cálcio, Ferro, Fósforo, Potássio, Zinco e Vitaminas do Complexo B e Vitamina E.



Fontes bibliográficas:

http://belezaesaude.com/

http://www.rqueiroznutri.com.br/