IMPOSTÔMETRO:

Visite o blog: NOTÍCIAS PONTO COM

Visite o blog: NOTÍCIAS PONTO COM
SOMENTE CLICAR NO BANNER --

ANÚNCIO:

ANÚNCIO:

domingo, 1 de novembro de 2015

A GLOBALIZAÇÃO E SEUS EFEITOS -- A Globalização e o Desemprego:

A GLOBALIZAÇÃO E SEUS EFEITOS -- 

A Globalização e o Desemprego:

 

     Desde o inicio dos anos 1980, com as mididas adotadas pelos governos neoliberais de Margareth Thatcher, no Reino Unido, e Ronald Reagan, nos Estados Unidos, avançou uma política pela redução do papel do estado na fixação de leis que garantiam o emprego, benefícios trabalhista e renda. No Brasil, esse processo ficou conhecido como flexibilização das leis de proteção ao trabalho.
     A concequência foi uma grande mudança na estrutura de trabalho. Os empregos tradicionais, em que o trabalhador mantém um vínculo empregatício com a empresa e recebão um sálario, além da garantia de benefícios sociais, como férias e fundo de garantia, foram drasticamente reduzido.No lugar foram insentivadas as chamadas terceirizações, um tipo de relação de trabalho em que as empresas contratam trabalhadores para prestar serviços sem que o empresário assuma os encargos trabalhistas, como pagamentos de0 férias, fundo de garantia e décimo tercero salário.
     O argumento para defender a flexibilização das leis trabalhistas era que, com a redução dos encargos que pesavam sobre as empresas, seria possível contratar mais trabalhadores e manter o nível de emprego.O problema é que o século XXI começou com um grande desemprego global, mesmo com essa mudanças (e, segundo muitos, por causa delas). Os países pobres e grande parte dos países em desenvolvimento, entre eles o Brasil, sofre com a falta de trabalho e, concequentemente, de renda.


        EFEITOS SOCIOCULTURAIS DA GLOBALIZAÇÃO: 

 

    Desde o cinema, passando pela televisão e chegando à internet, varias expressões  culturais e tecnológicas têm formado uma cultura de massas global. Uma vez que são dominados por alguns grupos econômicos, essas expressões a uniformizar os padrões de consumo e de divertimento,fazendo com que as pessoas passem a se intereçar pelos mesmos progamas, a valorizar as mesmas marcas.            
     A globalização, especialmente nesse aspectos de padronização do gosto, pode ser vista até nos hábitos alimentares, como a expanssão das  redes de fast-food. A generalização da língua inglesa, dos filmes de Hollywood ou das marcas norte-americanas de refrigerantes ou de tecnologias evidencia que tem havido menos uma integração das culturas do que a imposição de valores ocidentais. Por isso, para muitos críticos culturais conteporâneos, a globalização promove a "americanização"  na cultura mundial.
      Por outro lado, háutores que relativizam essa essa universalização da cultura norte-americana lembrando que aspectos de forte integração. Por exemplo, as culinárias japonesa, chinesa, indiana e mexicana são apreciadas no mundo intero, inclusive nos Estados Unidos. Nos esportes, os japoneses eos coreanos introduziram suas lutas marciais nas Olimpíadas. Outros exemplos seriam a moda do pequeno mago inglês Harry Potter, que se espalhou pelo mundo, eo sucesso mundial do cinema indiano.Segundo esse ponto de vista, a globalização pocibilitou também um grande de intercâmbio cultural.



FONTE
MUNDO ESTRANHO