IMPOSTÔMETRO:

Visite o blog: NOTÍCIAS PONTO COM

Visite o blog: NOTÍCIAS PONTO COM
SOMENTE CLICAR NO BANNER --

ANÚNCIO:

ANÚNCIO:

quinta-feira, 5 de novembro de 2015

CORDEL DA CONSCIÊNCIA NEGRA

CORDEL DA CONSCIÊNCIA NEGRA



Negros: Do Colonial ao atual

Os negros vieram da África
No tempo da escravidão
Trabalhavam dia e noite
Na tortura e solidão
Era o maior sofrimento
Por um pedaço de pão...
Eles são discriminados
Devido a sua cor
Por terem a pele negra
São tratados sem amor
Enriqueceram o branco
Com o sangue da sua dor...

O preconceito é cruel
Provoca a divisão
A renda é concentrada
Devido à exploração
Os negros são maltratados
E querem libertação.

Assinaram um papel
Para os negros libertar
Foi a princesa Isabel
Quem procurou ajudar
Só que não deram terra
Para o negro trabalhar.

Eles viviam na senzala,
Hoje vivem na favela
O desemprego é real
A ilusão está na tela
Os negros querem urgente
Uma porta e uma janela.

A injustiça é tirana
Não se respeita a cultura
Os negros com sua arte
Expressam sua ternura
Capoeira, artesanato,
Música e literatura.

A pobreza continua
Com o analfabetismo
O negro não tem acesso
Ao poder do consumismo
O negro é uma vítima
Do ruim capitalismo.

Os negros vivem na miséria,
Falta estudo e alimento
Sem dinheiro e emprego
Amargam no sofrimento
Querem melhorar de vida
E expressar seu talento.

Para o negro melhorar
É preciso educação
Melhor divisão da renda
Mais arroz e mais feijão
Moradia e emprego
E o fim da exploração.

É hora de acabar
O racismo, o preconceito
Negro é igual a branco
Ser negro não é defeito
O negro é da natureza
E por Deus ele foi feito.

EDUCAÇÃO S/A